Prioridades: enquanto vereadores discutem  regime de urgência para reajuste de professores, Ana Lúcia briga por datas comemorativas

A Câmara Municipal de Paço do Lumiar, em uma sessão marcada pela urgência e diversidade de pautas, aprovou o regime de urgência para o Projeto de Lei Nº13/24. Este projeto, uma iniciativa do Executivo, visa ajustar o salário dos valorosos professores da educação básica, reconhecendo assim a importância de investir no futuro do município.

O vereador Prof. Fábio Henrique, com um olhar esperançoso para o futuro, expressou sua satisfação pela recepção do projeto, enfatizando a necessidade de um debate aprofundado. Em contraste, os vereadores Fernando Feitosa e Wellington Sousa trouxeram à mesa suas visões, com Sousa detalhando uma reunião com o Conselho de Educação que abordou questões críticas, incluindo a realocação de alunos das UEBs do Iguaiba.

Enquanto isso, a vereadora Ana Lúcia, com um sorriso que mal escondia seu sarcasmo, defendeu seu projeto de lei para estabelecer um calendário de datas comemorativas. Em um município que enfrenta desafios diários, parece que o que realmente nos faltava era um calendário oficial de festas, o ato sugere que talvez as prioridades estivessem um pouco desalinhadas. A sessão também viu a aprovação unânime de seis indicações para melhorias na infraestrutura e serviços públicos, um lembrete de que, apesar das divergências, o progresso é sempre possível.

Alex filósofo

Jornalista (DRT: 2255/MA) Professor e amante da Filosofia, Empresário, Blogueiro, graduando em Marketing Digital e Ativista Social e Cultural. Com uma formação intelectual lastreada no pensamentos de grandes nomes da filosofia e da política, a crítica é sempre desafiadora e esclarecedora..

Leave a Reply